Salmão em papelote: para todos ficarem com “água na boca”, neste Natal!

Salmão em papelote: para todos ficarem com “água na boca”, neste Natal!

Esta receita de salmão em papelote é fácil e simples de preparar!

Já sei: é daquelas pessoas que, no meio da azáfama entre presentes para amigos, família e colegas de trabalho, preparação da decoração natalícia da casa e dar os últimos retoques à árvore de Natal, vê-se sem tempo – e, confesse, sem muita paciência – para tratar da ceia de Natal? Deixe estar, relaxe um pouco e leia este post: o que vale é que existem muitas receitas práticas e que nem sequer sujam a cozinha! Ora veja o caso desta receita de salmão em papelote!

Receita de salmão em papelote

Ingredientes:

– 1 posta de salmão
– 1 alho picado
– 2 rodelas de laranja
– Alecrim q.b.
– 2 fios de azeite
– Sal e pimenta q.b.

 

Preparação:

Em primeiro lugar, numa folha de alumínio, disponha um fio de azeite, seguido do salmão, o alho, a laranja, o alecrim, o sal e a pimenta.
Entretanto, regue tudo com outro fio de azeite. Por fim, leve ao forno durante cerca de 30 minutos, pré-aquecido a 180º.

Assegure um 2020 com uma cozinha mais limpa! Ou seja, comece por este salmão no papelote em cama de vegetais ou por esta receita de posta de pescada no papelote.


Related Posts

Com a ajuda da Alexandra Lencastre, preparei este tronco de Natal delicioso!

Com a ajuda da Alexandra Lencastre, preparei este tronco de Natal delicioso!

É a receita que faltava na sua Consoada: fique com este tronco de Natal! Os fãs de doces podem ficar descansados: na noite da Consoada, o que não faltam são pratos para adoçar o paladar de quem não resiste a este tipo de sabores. Que […]

Uma das melhores receitas de arroz-doce para este Natal… com Helena Isabel!

Uma das melhores receitas de arroz-doce para este Natal… com Helena Isabel!

Eis uma rica sugestão para a sobremesa de Natal: uma das melhores receitas de arroz-doce que já preparei! Há lá melhor coisa do que reunir a família à mesa num evento, como o Natal, e com um doce tipicamente português? Pelo menos cá em casa […]