Brinde ao amor com esta sangria de frutos vermelhos!

Brinde ao amor com esta sangria de frutos vermelhos!

Esta sangria de frutos vermelhos vai ser a sua bebida para o Dia dos Namorados!

Porque não variar na bebida com que vai celebrar o Dia dos Namorados? Pelo menos neste ano, deixe o champanhe ou o vinho tinto de lado! Siga o meu conselho e prefira uma sangria de frutos vermelhos! É uma bebida apaixonante!

Receita de sangria de frutos vermelhos
Ingredientes:

– 100 g de frutos vermelhos (framboesas, mirtilos…)
– 3 dl de espumante
– 1 dl de sumo de maracujá
– 1 dl de sumo de laranja
– Rodelas de limão
– Rodelas de laranja
– 1 dl de gasosa
– 0,5 dl de licor a gosto
– 2 colheres (sopa) de açúcar amarelo
– Canela em pau q.b.
– Hortelã q.b.

Preparação:

Coloque o licor num jarro, acrescente as folhas de hortelã, os paus de canela a gosto, os frutos vermelhos, as rodelas de laranja e de limão e o açúcar amarelo e mexa para que o açúcar fique dissolvido.
Acrescente o sumo de maracujá, o sumo de laranja e a gasosa e misture um pouco. Adicione o espumante e misture de forma delicada.
Ponha no frigorífico até ficar bem fresco. Sirva, decorado como quiser.

Com uma sangria destas, o início de noite de São Valentim vai ser bom. Com uma pizza Coração ou umas rosas de maçã, vai ser ainda melhor… e mais romântico!

(Visto 1.063 vezes)

Artigos Relacionados

Receita super saudável de mousse de frutos vermelhos

Receita super saudável de mousse de frutos vermelhos

Faça esta mousse de frutos vermelhos para comer sem culpa! Vamos contrariar o óbvio pela nossa saúde? É que a verdade é que, mal chega a altura de saborear uma sobremesa, pensamos logo que vamos ter de fazer uma pausa na nossa dieta. Mas não […]

Bolo de chocolate sem ovos: uma delícia para o Dia dos Namorados!

Bolo de chocolate sem ovos: uma delícia para o Dia dos Namorados!

A sua cara-metade não pode comer ovos? Torne este Dia dos Namorados deliciosamente especial! Faça um bolo de chocolate… sem ovos! Diz a sabedoria popular que sem ovos não se fazem omeletes. E com toda a razão! Mas a verdade é que se existem receitas […]