Jornal americano apresenta ótimas dicas para um fantástico roteiro em Lisboa!

Jornal americano apresenta ótimas dicas para um fantástico roteiro em Lisboa!

A nossa capital é tão linda que até os americanos fizeram um excelente roteiro em Lisboa!

Eu não digo que Lisboa anda na boca do mundo? Sim, é verdade que o que não falta no nosso lindo país são regiões deslumbrantes. Ultimamente, até tenho destacado algumas dessas zonas, ricas em História e em paisagens lindíssimasMas a cidade de Lisboa – provavelmente, por ser a capital – lá acaba por ganhar um maior destaque! Desta vez, foi o jornal The New York Times, que, além de tecer os maiores elogios à cidade, ainda traçou um roteiro em Lisboa bastante interessante!

Para a editora desse jornal, o que não faltam são pontos de interesse em Lisboa! E essas vantagens prolongam-se muito para além de a cidade ser uma das mais baratas de toda a Europa, apesar de o baixo valor (e grande qualidade!) de alguns petiscos “alfacinhas”, como o marisco, o vinho e os pastéis de nata.

Ingrid K. Williams – assim se chama a editora – adorou a nova vida que se faz sentir em Lisboa: os novos restaurantes, as novas esplanadas, os novos museus…

O roteiro que a editora desenhou inicia-se numa sexta à tarde, no Bairro da Graça, onde é obrigatório descobrir o Convento e usufruir de uma vista magnífica. Depois, é só irmos até Campo de Ourique para conhecer melhor a vida e obra de um dos nossos grandes poetas – Fernando Pessoa. Afinal, é nesse bairro que se encontra a Casa Fernando Pessoa.

O sábado à tarde é reservado para nos deslocarmos até Belém, uma zona da nossa capital que respira História em cada canto: desde o Mosteiro dos Jerónimos à Torre de Belém! Um passado que se cruza com a fachada futurista do recentemente inaugurado Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia, que, desde 2016, tem espantado portugueses e estrangeiros!

Pelo meio, é claro que não faltam bons momentos à volta de uma mesa em espaços que já são de visita obrigatória, como a Taberna da Rua das Flores, A Cevicheria ou a Pastelaria Alcôa. Dá ou não dá vontade de sermos turistas na própria cidade ou de viajar até à capital e (re)descobri-la?

(Visited 129 times, 1 visits today)

Related Posts

Lisboa, cheira a mais do que sardinha assada

Lisboa, cheira a mais do que sardinha assada

Os encantos de Lisboa são mais do que muitos! Descubra-os comigo! Lisboa está cada vez mais na moda e, tal como dizia Amália Rodrigues, “nas tascas das vielas mais escondidas, cheira a iscas com elas e a vinho”. Na capital, reina a cozinha tradicional portuguesa. […]

Sabe o valor da sua rua

Sabe o valor da sua rua

Sabe o valor da sua rua? É verdade, a rua onde vivemos pode estar mais cara e isso pode mexer no valor do IMI a pagar. O coeficiente de localização (um dos elementos usados na avaliação dos imóveis) foi recentemente atualizado e a alteração pode […]