Razões que fazem do Algarve um destino para o ano inteiro

Razões que fazem do Algarve um destino para o ano inteiro

Porque o Algarve não é bom só no verão. O nosso Algarve é muito mais que areia e água: são as pessoas, a gastronomia, os sítios. O Sul do nosso país só é lembrado, na maior parte das vezes, três a quatro meses por ano.

Agora com os dias maiores e com a mudança de hora este fim-de-semana, dou-lhe razões para conhecer o “outro” Algarve, aquele para além das praias, aquele que vale mesmo a pena ser explorado.

  • No Barrocal  são as aldeias históricas, como Alte ou Querença que guardam as tradições culturais de um passado agrícola. É como se viajasse na máquina do tempo.
  • Para quem entrou no ritmo das caminhadas, a Via Algarviana tem cerca de 300 quilómetros, que pode explorar e até passar pelas aldeias históricas. A Via Algarviana liga Espanha a S. Vicente e Sagres.
  • As ruínas de Milreu são o mais importante vestígio da presença romana no Algarve. As ruínas estão situadas a 15 minutos da cidade de Faro.
  • Já em Silves encontra-se o castelo, resultado das influências islâmicas no Algarve com a sua cor avermelhada.
  • Vila Real de Santo António, foi idealizada pelo Marquês de Pombal. Nasceu assim, esta vila, segundo os princípios do século XVIII. Logo a norte da vila, o Sapal de Castro Marim e Vila Real de Santo António são uma reserva natural onde é possível visitar as salinas e percorrer os percursos pedestres e de BTT.
  • Sagres, é um local sagrado desde o tempo dos Romanos, que não sabiam o que estava para lá do oceano. Aqui destaca-se a vista que o Cabo de S. Vicente pode oferecer e deslumbrar.

 

Se está a pensar ir ao Porto, deixo aqui as minha sugestões que não pode perder.

(Visited 95 times, 1 visits today)